Palestra explica como combater incêndio na Serra do Japi

Com a época de estiagem se aproximando, o cenário exige ações de prevenção e combate às queimadas, para não comprometer a biodiversidade e a saúde da população local. Para discutir o tema, o Centro de Referência em Educação Ambiental (CREAM) recebe no dia 14 de maio, a partir das 8 horas, a palestra “Estratégias para combate a incêndios na Serra do Japi”, que será seguida por um bate-papo para troca de experiências e uma oficina para construção de abafadores, que são utilizados para combater incêndio em vegetação e constituem uma ferramenta importante no combate às queimadas. O evento promovido pelo projeto Olhos da Serra é aberto ao público e tem como objetivo principal engajar a comunidade local e adjacente nas ações de prevenção aos incêndios.

Dará início à programação o líder da Brigada Núcleo de Proteção e Defesa Civil da Fazenda Chocolate Itu, Aldo Nunes, com uma palestra e um bate-papo. “Vamos explicar a importância para a população local receber um treinamento e saber usar os Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) necessários. Isso pode diminuir de forma considerável o número de acidentes e garante uma resposta mais rápida no combate do início de incêndio”.

Para Guto Carvalho, da liderança de moradores da Serra do Japi, as pessoas que vivem no local são muito afetadas pelo aumento da seca. “Sou morador da região há mais de 25 anos e podemos ver o aumento da secura da Serra em várias dimensões. Vemos nascentes secando, chuvas que diminuem progressivamente, frentes frias que não chegam mais. Como consequência, os incêndios, que podem afetar os bichos, as plantas, nossas propriedades. Precisamos nos organizar para identificar os focos de incêndio e saber como agir de imediato”.

A diretora de cultura da Associação dos Amigos dos Bairros de Santa Clara, Vargem Grande, Caguassu e Paiol Velho (SAB Santa Clara), Eliana Schiozer, explica que é essencial destacar, antes

de tudo, o primeiro caminho – a prevenção. “Apenas pessoas treinadas devem atuar, mas todos podem contribuir para melhorar a troca de informações, para os alertas e devem se preparar para saber agir com segurança em eventuais situações de risco. Este é nosso principal objetivo com a palestra”.

Eliana reforça que a população está convidada a participar da palestra, que acontece no CREAM, e lembra que as inscrições são limitadas devido à capacidade do auditório.

Serviço

Local: CREAM – Av. Atílio Gobo, 1586-2036 – Santa Clara

Data: 14/05/2022

Horário: 8h às 11h30

Programação:

8:00 – Recepção com café;

8:30 às 10:00 – Palestra e bate papo com Sr. Aldo Nunes (Fazenda Chocolate Itu), líder da brigada de incêndio;

10:00 às 10:30 – Café com troca de experiências;

10:30 às 11:30 – Oficina para construção de abafadores.

Autor Redação Mães de Jundiaí

Redação Mães de Jundiaí

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.