Palestra sobre preservação das nascentes marca celebração do Dia da Terra em escolas de Jundiaí

Divulgação

Para marcar o Dia do Planeta Terra, o Projeto Olhos da Serra realizou uma importante ação de Educação Ambiental  com cerca de 200 alunos da Escola Estadual Professor Francisco Napoleão Maia e do Colégio Divino Salvador, em Jundiaí. O Engenheiro Ambiental Jerry de Morais esteve nas escolas ministrando uma palestra que teve como principal objetivo de reforçar a importância das florestas para a preservação das nascentes. O evento reuniu estudantes do 8º e 9º ano do Ensino Fundamental.

Para despertar o interesse dos alunos sobre a necessidade de conservar as nascentes, o engenheiro realizou uma demonstração de maquete, fazendo uma comparação entre terrenos com vegetação versus solo sem cobertura. Foram abordados também temas como infiltração no solo, escoamento superficial e enchentes, essenciais para entender a importância que cada cidadão possuiu quando o assunto é preservação dos recursos naturais.

“Todo mundo envolvido para que as crianças tenham consciência de onde estão vivendo e como cuidar melhor do lugar onde vivem. Nosso objetivo com o Olhos da Serra é continuar falando sobre a importância da sustentabilidade para Jundiaí e Região”, reflete Hanah Traldi, presidente da Associação dos Amigos dos Bairros de Santa Clara, Vargem Grande, Caguassu e Paiol Velho (SAB Santa Clara),  que, juntamente com o Consórcio Intermunicipal das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí (Consórcio PCJ), é responsável pela realização do Projeto Olhos da Serra.

De acordo com o assistente de projetos do Consórcio PCJ, o engenheiro ambiental Eduardo Paniguel Oliveira, as ações de educação ambiental são um componente essencial do Projeto Olhos da Serra. “Colocar jovens frente a frente com um especialista da área é mais uma alternativa para promover a educação ambiental de forma ampliada. Além de enriquecer o conteúdo que eles aprendem em sala de aula sobre o tema, eventos como este deixam evidente que a preservação da natureza depende e está nas mãos de todos nós”, finaliza Eduardo.

Evandro Grioles, diretor pedagógico do Colégio Divino Salvador, uma das escolas que recebeu a palestra, conta que a participação de aproximadamente 80 alunos dos 9º anos foi fundamental. “A data, que foi comemorada pela primeira vez em 1970, é importantíssima pois promove o debate sobre como a população pode colaborar para a proteção do Planeta. E com a palestra sobre o tema inauguramos os projetos de educação ambiental e estudo do meio no colégio. Retomamos agora com o olhar para nossa Serra, entendendo que esse olhar de cuidado e preservação é essencial”, conclui Evandro.

Autor Redação Mães de Jundiaí

Redação Mães de Jundiaí

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.