Experiência de Mãe de Jundiaí – um ano todo de homeschooling

Não sabemos até quando as aulas onlines vão, mas o que imaginamos é que este ano dificilmente voltaremos aos bancos da sala de aula, ao convívio diário com colegas, professores.

E eu to aqui, imaginando quantas famílias estão se virando nos 30 para fazer dar certo esse tipo de aula que, confessa vai, deixa a gente doida!Por outro lado, alguém aqui já parou para pensar no quanto os professores, coordenadores e direção se mexem diariamente para que os alunos recebam da melhor forma possível o conteúdo?

Se toda esta mudança não estava prevista por nós, não estava prevista pela escola nem por ninguém. A adaptação ao novo foi para todos e assim, de sopetão mesmo! A gente (todo mundo) que lute pra lidar com todas essas transformações.

Eu fico aqui imaginando o quanto as escolas também estão sobrecarregadas, porque elas precisam atender de uma forma centenas de famílias que estão com a programação diária totalmente afetada. Não está fácil, mas eu faço aqui minha singela homenagem aos professores e funcionários das escolas, que neste novo ‘anormal’ tem dado o sangue para ensinar nossos filhos da melhor maneira que podem, com as melhores ferramentas que têm.

Sim, sou privilegiada, posso oferecer um equipamento com internet para Bia acompanhar as aulas. Sim, fico triste em saber que não é a realidade de muitas crianças.O que eu vou dizer aqui é o seguinte: todos os alunos vão sofrer um grande impacto com o ano de 2020. Muito conteúdo será atrasado. Vai ter muita batalha para reconquistar o período letivo que foi perdido.

Mas parem de exigir milagres das escolas. Entendam que a situação é atípica e que temos a possibilidade de resgatar aos poucos, depois, mais tarde! Nunca é tarde demais! O tempo agora é de novo aprendizado! Um aprendizado que, talvez, em tempos ‘normais’, a gente nunca tivesse a oportunidade de ter na vida.

Autor Livia Haddad

Mãe da Beatriz. Fundadora e editora do Portal Mães de Jundiaí. Jornalista, radialista. Fundadora e líder da comunidade Mães de Jundiaí no Facebook.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *