Presidente da Câmara dialoga com festas juninas pelo fim dos fogos com estampido

Em continuidade à campanha ‘Festa Legal Não Tem Rojão’, lançada nas redes sociais e com distribuição de adesivos gratuitos em 2018, o vereador e presidente da Câmara de Jundiaí, Faouaz Taha (PSDB), tem iniciado diálogo com organizadores de festas juninas da cidade para conscientizar sobre o não uso de rojões e fogos com estampido como atração no mês que se inicia. “Embora saibamos que é uma tradição cultural, os tempos mudam e os pedidos da população também. Temos que estar atentos a isso. Os estouros são incômodo e risco comprovados para animais domésticos, silvestres, além de prejudiciais às pessoas acamadas, autistas, idosos e crianças. Por isso, esse diálogo é importante”, diz.

Como primeiro encontro dessa mobilização, Faouaz esteve nesta semana com o padre Leandro Megeto, na Cúria Diocesana de Jundiaí. O objetivo foi apresentar a campanha e fazer uma ponte com as paróquias que, costumeiramente, promovem festas juninas tão queridas pela população. “Foi um encontro muito positivo. Fomos gentilmente recebidos e o padre nos permitiu nova abertura para que essa mensagem chegue à Diocese”, conta o vereador.

Outros organizadores de festas juninas serão procurados pelo gabinete de Faouaz. Caso haja interessados em apoiar a causa e o debate, basta entrar em contato com as redes do vereador.

Faouaz é autor, junto aos colegas Leandro Palmarini, Paulo Sérgio Martins e Rafael Antonucci, de projeto de lei que proíbe fogos com estampido em Jundiaí. O texto foi rejeitado pela maioria dos vereadores em 2017. Em 2018, os mesmos vereadores apresentaram projeto que proíbe os fogos na região da Serra do Japi, o qual foi aprovado com algumas emendas. “Não vamos desistir do debate, pois é um projeto embasado que atende grande parte da população”, avisa o presidente.

Autor Redação Mães de Jundiaí

Redação Mães de Jundiaí

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.