Foi lindo, valeu…que venha 2019!

Não tinha como o texto deste mês não ser uma reflexão de 2018, de dentro e fora do grupo Mães de Jundiaí e região.
Vi tanta coisa legal acontecendo para as pessoas com deficiência e suas famílias, que tenho certeza que não conseguirei falar de todas.

Não poderia deixar de começar por uma mãe que compartilhou com as mães do grupo mães de Jundiaí e região muitos momentos de angústia e tristeza, mas ao mesmo tempo de muito amor, aquele amor gigante que não cabe no
coração. Foi nos contando sobre as dúvidas do que estava acontecendo e o processo para o diagnóstico de sua bebê. Quanto medo e quanta delicadeza!

O que mais me chamou a atenção: quanto amor! Quanto orgulho de sua bebê linda, ela é daquelas que vemos em capa de revista. Foi um prazer ler seus posts e ver tantas mães acolhendo e acalmando um coração frágil. Quem não teria um coração frágil em um momento como esse?

Soube da gravidez de uma amiga querida já quase na reta final e um mês depois ela envia mensagem contando que sua bebê tinha nascido e também tem Síndrome de Down. Que mistura de sensações senti naquele momento. Um filme passou em minha cabeça desde o nascimento da minha filha e tanta coisa gostosa já alcançamos até agora.

Acho que esses pensamentos eram energias boas sendo enviadas a esta minha amiga agora que é mãe de uma menina linda.

Tivemos moças com Síndrome de Down subindo ao pódio e ganhando troféu na República Dominicana, expondo seus quadros em lugares importantes de Jundiaí, fazendo artesanatos lindíssimos, enfim, desfrutando a vida como
deve ser!

Eventos sobre Educação Especial e Inclusão? Acho que nunca tivemos tantos como neste ano.

As meninas desse portal apoiando com todas as forças a inclusão da criança com deficiência, abrindo espaço para falarmos sobre este assunto foi incrível!

Ahhh e as propagandas de TV com pessoas com deficiência? Como é bonito ver a diversidade na tela da nossa TV. Como é bacana assistir um comercial com alguém que saiba libras. E quando mostram vários alunos juntos cantando em libras? Meu coração se enche de alegria e acredito que não estou sozinha neste sentimento se olharmos a quantidade de compartilhamentos desses comerciais nas redes sociais.

Também não posso passar em branco as conquistas da minha filha em 2018, mas esta tenho que me controlar porque sou mãe babona e poderia escrever um livro aqui (rs).

Tivemos técnico jundiaiense de time de paratleta ganhando premiação nacional, o PEAMA ganhando premiação do Estado de São Paulo. Conhecem o PEAMA? Se não, ótima oportunidade para “dar” um google. Um projeto lindo da prefeitura de Jundiaí que existe há anos e sou eternamente fã.

Tem paratleta jundiaiense se destacando cada vez mais pelo mundo afora. Foi a primeira mulher biamputada a desfilar em escola de samba de São Paulo, a primeira também a completar uma maratona de Nova Iorque, correu
na Alemanha, na China e onde quiser mais ela corre! Ela é linda e determinada.

Mais um ano de MovieCOMtodos, um projeto cada vez mais divulgado, mais falado e mais gente na sala de cinema com luz acesa, volume do filme mais baixo e trailer reduzido. Através desse projeto, vi mãe orgulhosa de seu filho autista que já conseguiu ir com a escola ao cinema em sala comum. Por isso, gosto de dizer que o MovieCOMtodos é uma sala treinamento.

E o encanto de Papai Noel de alguns shoppings? Um que deita no chão com um garoto autista, outro que conversa em libras, quanta compreensão e respeito! Este é o verdadeiro significado
de um Papai Noel.

Agora no finalzinho, nesta reta final, fiquei sabendo que um menininho querido com Síndrome de Down está com uma doença grave, o que entristece um pouco esse ano cheio de conquistas. Mas as conquistas nos dão forças para seguirmos acreditando que ele sairá dessa muito bem. As primeiras notícias são que ele está reagindo super bem ao tratamento, então podemos já considerar vitória também!

Famílias aprendendo com suas crianças, aprendendo sobre inclusão e amando sempre. Cada família do seu jeito e velocidade, mas todos na mesma direção, para que a inclusão aconteça e essa criança seja feliz e respeitada. O balanço do ano é um saldo muito positivo de amor e respeito, por mais que possamos ir além, tivemos excelentes conquistas.

Que nossos novos governantes valorizem a pessoa com deficiência e dirija nosso país para mais respeito a elas.
Que esse amor venha mais fortificado ainda em 2019… que espalhemos amor por onde passarmos e que tenhamos esse amor vindo de outros, esse é o sentido da vida!

Um lindo 2019 a todos nós com muito amor!

E você vivenciou ou viu alguma conquista inclusiva? Conte aqui para nós! Iremos adorar saber da sua lembrança.

Autor Mariângela Castilho

mãe da Maria Luiza, Idealizadora do Projeto Elas Também Podem e Consultora de Inclusão no Colégio Ápice Eleva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *